Sinfonia dos sonhos esquecidos

1/12/2013 09:32:00 AM

Estou sempre de braços abertos
Na linha tênue da minha eternidade
Onde as brincadeiras da infância ressurgem
De galho em ganho pulo para fora deste pesadelo
 
Estou sempre a procura da dor
Juntos dividimos tantas vidas e memórias
A sinfonia dos sonhos esquecidos
Novamente vem me dominar, eu quero escapar
 
Oh, vem até mim, meu tolo menino 
Eu acaricio seus cabelos negros como a escuridão em meu coração
Oh, eu anotarei em meu diário obscuro de segredos deprimentes
O nome daquele cujo o sonho morreu
 
JUNTOS SEREMOS UM E ASSIM EU POSSO MENTIR PRA VOCÊ 
QUANDO EU NÃO PUDER FECHAR OS OLHOS
JUNTOS SEREMOS UM E NINGUÉM FARÁ MAL A VOCÊ
PORQUE EU DOMINO TUDO QUE PODE TE FERIR

Sou sua arma, sou sua amante
Sou seu desejo, sou sua morte
Sou sua morada, sou seu tesouro
E nesta noite seremos um só

Eu tenho inveja do ódio que nutre por mim
Eu sei que mereço, mas vejo o meu lado
Estou farta de ser a vítima
Agora tenho o meu próprio brinquedo
Um coração metálico e baterias para recarregar

Ass: Lady Black Raven

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários