Viúva Negra

7/04/2013 09:31:00 AM

Bela mulher do destino traiçoeiro

Eis que me chama a servir
De joelho estou te implorando
Deixe-me viver!
Bela mulher do destino traiçoeiro
Eu mereço sua arrogância
Ascende a chama da imortalidade
Deixe-me viver!
Meus beijos te sufocam, meu servo?
Eu pensei que você gostaria de mais
Sua pele em chamas pelo meu amor mortal
Este é o meu karma, uma viúva negra com uma vida selada pela morte
Cada rosa que toco, murcha
Cada sorriso se desmancha em lágrimas
Bela mulher do destino traiçoeiro
Trouxeste a morte em teu seio
Embala-me com teu desejo
Mas deixe-me viver!
Bela mulher do destino traiçoeiro
Não temas todos os segredos
Conheça a si própria e seja livre
Mas deixe-me viver!
Meus beijos levarão você a tombar
Eu apenas posso rir de sua insanidade
Sua pele está marcada pelo meu amor mortal
Este é o meu karma...
Este é o meu karma, uma viúva negra procurando uma nova vítima
Não há como escapar do meu abraço, nas noites tristes, eu te chamo!
Imersa em lágrimas eu canto!

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários