Memórias

9/27/2013 07:29:00 AM

*Poesia feita em homenagem a cantora Sabine Dünser (+9 de julho de 2006) da banda ELIS


----
Os anos podem passar, mas suas músicas se eternizarão  em cada geração que terá o prazer de saber sobre sua existência aqui na Terra. Espero que você tenha o repouso eterno. Com todo o meu amor, Lady Black Raven.

Ps: Você nunca estará sozinha, pois seus verdadeiros fãs sempre lhe mandarã boas vibrações


---

Para mais informações, consulte meu blog Santuário do Metal
http://santuariodometal.blogspot.com.br/2013/09/sabine-dunser.html

Memórias

A sua passagem deixou marcas em mim
Em cada memória hei de preservar  o seu sorriso
Quero espalhar aos quatro ventos  som da tua voz
Recitar cada melodia feita com o coração

Mas como posso esquecer de sua doce voz a sussurrar em meus ouvidos a canção mais linda?

Talvez minhas palavras bobas se dissipem
E o silêncio reine em meu espírito triste
Talvez o dia não venha com o novo amanhecer
E o silêncio não irá responder suas perguntas

Mas como posso esquecer de sua doce voz como sopro divino a me mostrar o caminho dos anjos?

Siga a estrela, minha pequena criança
Todos dizem que há uma luz nessa travessia sombria
Por mais erros e tropeços, eu estou aqui para te guiar
Siga a estrela, como antigamente
Todos dizem que há uma luz nessa travessia sombria
Por mais segredos, eu ainda estou aqui para dizer
Que ninguém te esqueceu...

Como uma fênix, suas chamas eternas cruzarão o céu
Sua voz entoará hinos de amor e dor
Tu, somente tu terás o privilégio
De se tornar mais uma estrela em meu céu!

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários