Guerra

5/29/2015 06:50:00 AM

*poesia antiga anotada em um caderno empoeirado
Resultado de imagem para guerra 2015
Crianças chorando
Mulheres se matando
Sangue nos corpos
E um barulho que vai
E vem assombrando a gente
Que só queríamos paz.

Corpos mutilados
Armas postas
No alvo, na mira
De repente atira
Só atinge a gente
Gente de paz
Não atinge quem faz a guerra.

E a outra chora
E a outra grita
Se desespera
Diz não pra vida
Não aguenta mais
Já sofreu demais
Essa paz armada
Essa guerra!


E não podemos parar de chorar
É sofrimento em meio ao conflito
E me atinge só mais um tiro...

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários