Capítulo 5: A história dos quatro Deuses de Mystic- parte 2

11/03/2015 07:23:00 AM

Não percebendo, todos os três principais deuses do antigo Reino Mágico de Mystic, acabaram criando uma força muito maior do que eles próprios temiam. O Destruidor se vangloriava por ter mais poder do que os três e o Mago Negro juntos. Nada mais importava, nem as constantes brigas entre os deuses, pois tinha nas mãos tudo que precisava.

A briga dos Deuses e sua suposta morte pelas mãos do Destruidor, fizeram o Mago Negro achar que era imbatível, visto a atual aliança que fizera com o carrasco. O Mago Negro oferecia as vidas dos membros dos reinos como uma oferenda ao Destruidor. E qual vida não seria mais valiosa do que a alma do Mago Ancião, a única esperança do povo de Mystic?

Ao aceitar a vida do pequeno Mago Ancião, o Destruidor cavou sua própria cova. E dessa cova surgiu o Equilíbrio... 

O Equilíbrio, como uma espécie de deus da Justiça, ergue sua espada e prende na cidade do além o Destruidor, que passou a habitar uma dimensão até então desconhecida. O Mago Negro segue o Destruidor na vida pós-morte, aplicada a deuses e seres mágicos. Ninguém sabe ao certo o que há além dos véus da face da morte. Mas com certeza todos mantém a fé de que o Equilíbrio se faz presente, e aos justos é dado a glória da felicidade e aos injustos, a punição de seus crimes.

***

Depois de devaneios dos deuses, embriagados na antítese de seu próprio poder, eu estabeleci durante anos o equilíbrio das forças das duas magias. E foi assim que eu aprendi tudo que era necessário para manter, até então, o Equilíbrio do Reino que a mim foi entregue. Eu aprendi a lei da imprevisibilidade de qualquer espécie de magia: o universo quando se sente ameaçado de ser destruído, trata de criar um oponente tão poderoso quanto você!

Durante anos elaborei o Regulamento Universal de Magia que serviria como uma balança: de um lado, a magia da luz ou do visível e do outro, a magia oculta, ou do invisível. O papel do Mago Negro na história do nosso reino foi a extrapolação dos princípios de magia oculta, criando uma força que não poderia ser controlada, na qual transformava tudo em destruição. Tais ensinamentos foram preservados, o que de minha parte tornou-se um erro, ao cair nas mãos de minha filha, que futuramente tentaria recuperar um poder que jamais foi seu.

Estaria durante todo esse tempo, em que as ameaças desequilibradoras assolaram meu reino, sendo orquestradas pelas mãos do Mago Negro? O Destruidor teria também uma parte fundamental nessa história?

Estou velho e cansado demais para futuros mistérios cuja a capacidade de desvendá-los já não são a mim cabíveis. Devo passar o cajado de meu poder ao mago sucessor, pois a qualquer hora hei de fazer a jornada que une humanos, deuses e entes mágicos.


Ass: Mago Ancião

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários