Última lembrança

4/16/2016 10:10:00 AM


*poesia antiga anotada em um caderno empoeirado
Resultado de imagem para ultima lembrança


Sob o relógio do tempo eu quero descansar
E guardar minha última lembrança
Do nada que restou agora

Coberta de lama e segurando sua mão
Olhando para a única luz
Que está se apagando no seu olhar

Eu não pude ver a maldade na beleza da rosa
Eu não pude compreender os sinais deste fim
Eu só ouvi os sinos, eu só ouvi os gritos
Eu não pude construir um amanhã melhor
Eu não pude ser uma nova pessoa
Eu só ouvi sinos, eu só ouvi mais gritos

Caminhando no lugar parece igual
Não sei seria o meu último sonho
Que apareceu para me levar

Mentes perigosas atuam escondidas nas sombras
Comandando o exército de desiludidos
Ou apenas alimentando mentiras em nós!

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários