Desfazendo sonhos

1/05/2017 09:56:00 AM





Deite ao meu lado pela última vez
Cansei de ser usada por esta vida
Sendo mais uma vadia condenada
Pelas correntes de tua miséria

Deite ao meu lado pela última vez
Faça-me mulher, antes do entardecer
E por favor, vá embora, eu ainda
Desejo acordar e sentir o cheiro

Da depravação que nós sentimos
Da impureza de nossos corpos
Eu já fui o seu brinquedo
E minha vingança pode ser tardia
Mas há de chegar mansamente
Desafazendo sonhos
Desfazendo mentes
Desfazendo mundos

Eu sou mais do que um bonito pesadelo
Construído nas estradas sombrias
Perdida, esperando, beijando, roubando
A sua vergonha!


  • Share:

You Might Also Like

0 comentários