9º lugar- Poesia Minha Criança- Revista Inversos

6/10/2018 08:04:00 AM

Já está disponível no facebook oficial da Revista Inversos (ISSN 2527-1857) (https://www.facebook.com/revistainversos/posts/1928057900558054), a 4ª edição desta revista, cujo o tema foi sobre as crianças africanas. A RI é um periódico digital de Literatura, publicado trimestralmente, em Feira de Santana-BA,  cujo o editor é o poeta e escritor Maroel Bispo. 


Para acessar, basta clicar no link abaixo:



Tive a honra de ter uma poesia minha selecionada, na página 27: MINHA CRIANÇA, que segue logo abaixo:


Por que esconder seu corpo na lama?
Por que ocultar seu semblante de fome?
Há espaço neste mundo para sobreviver por hoje?
Reze para que as nuvens negras da insensibilidade se dissipem em seu céu de púrpura!

Por que trabalhar sob o sol escaldante da exploração?
Por que sofrer abusos constantes omitidos no silêncio do amanhã?
Reze para que a chuva de esperança faça nascer em seu jardim o lírio da bonança

Vá ou volte, minha criança
Dê tempo para que o “ser pensante” amadureça sua mente
Vá ou volte, pequena criança
Acredite que logo o sofrimento terá um fim...

Como despertar a alegria quando a doença castiga a alma?
Como despertar o amor quando a violência aniquila a alma?
Eu sei que as novas oportunidades de reconstruir a vida não são contínuas...
No barco de tal felicidade não há vagas
Parece-me que você está prestes a desistir?

Vá ou volte, minha criança
Dê tempo para que o “ser pensante” amadureça sua mente
Vá ou volte, pequena criança
Acredite que logo o sofrimento terá um fim...
Eu espero que as pegadas da dor cessem de tentar purificar o seu coração
Já está no tempo de ser feliz, olhe para os rostos dessas milhares de ciranças
Eu sou a tua luz
Lado a lado...

Vá ou volte, minha criança
Dê tempo para que o “ser pensante” amadureça sua mente
Vá ou volte, pequena criança
Acredite que logo o sofrimento terá um fim...




  • Share:

You Might Also Like

0 comentários