As diversas manifestações culturais na Festa de Santo Antonio em Barbalha

6/02/2013 01:09:00 PM

Francisca Raquel Queiroz Alves Rocha
*Reportagem feita para a disciplina de Jornalismo na Web do Curso de Jornalismo da UFC Cariri
Nesta manhã, dia 02 de junho (domingo), a diversidade cultural e suas respectivas manifestações, marcaram presença nos festejos do Padroeiro da Cidade de Barbalha, denominada agora de “A Capital Cearense dos Festejos de Santo Antonio do Estado do Ceará”, segundo Lei Estadual.

Bandeirinhas com a foto do Santo, mastros, balões, bonecos, etc enfeitavam as principais ruas da cidade, barracas, prédios e casas.


Antes do Cortejo de Manifestações Culturais - slideshows

Por volta das 9 horas da manhã aconteceu a tradicional Missa que marcou a abertura das festas do dia de hoje.



Missa Pau da Bandeira 2013 - slideshows

Durante a missa e logo após a celebração, grupos folclóricos se apresentaram nos arredores praça da Igreja.

*Grupo de Capoeira Arte e Tradição– Mestre Gilberto– Arajara (Barbalha)



          
 *Grupo de Reisado São Miguel– Bairro João Cabral– Mestres Tarcísio e Valdir– (Juazeiro do Norte)
*Reisado de Couro– Mestre José Pedro de Oliveira– (Barro Vermelho)


O Reisado de Couro - slideshows

*Banda Cabaçal Nossa Senhora da Conceição– Arajara– Barbalha
* Grupo de Bacamarteiros da Paz– Bairro João Cabral– (Juazeiro do Norte)
* Grupo de Break Green Empate– Hip Hop– Alto da Alegria– (Barbalha)
*Grupo de Capoeira Muzenza– (Barbalha e Juazeiro)
*Banda Municipal Filarmônica São José– Centro– (Barbalha)


O local também concentrou os grupos e pessoas que fariam parte do cortejo, que seguiu pelas principais ruas da cidade, em direção a Praça do Rosário.



O Cortejo até a praça do Rosário- slide - slideshows

______________
Barbalha é uma das principais cidades da região do Cariri e conhecida por ser palco de uma das maiores festividades juninas do Brasil: a Festa de Santo Antonio, padroeiro local e principal ícone religioso (associado ao casamento, devido ao seu histórico de ajudar as pessoas que queriam firmar tal compromisso). Neste ano, a pré–festa começou no dia 01 de junho (sábado), com a Noite das Solteironas e o encerramento será no dia 13 de junho (quinta–feira), com a procissão do santo e shows artísticos.É importante valorizar tais manifestações culturais, pois assim é que se mantém viva a chama da tradição e da cultura, que passa de pai para filho. O que é transmitido pode até sofrer modificações ao longo do tempo, já que essas mutações são viáveis para que haja uma forma de reformular o que vem sobrevivendo há muito tempo, mas sem deixar morrer aquilo que é mais precioso: a cultura.

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários