A voz da consciência

4/04/2014 06:03:00 AM


Escondendo a vergonha debaixo de suas asas, uma tentativa de voar livremente
Me dê a chave desse maldito cadeado, seu cheiro hoje é insuportável para mim
Minha mãe disse "você vai sofrer"
Minha alma disse "você vai aprender"
E eu só tenho caído em desgraça cada vez que vejo você sorrindo, amor

Eu avisei
Aquela voz que imaginamos ser a nossa consciência
Ela respira tão alto, sinto suas mãos me sufocando
Eu avisei
Aquela voz há de sussurrar sempre as respostas para mim?
Mais uma vez, quando a decepção se apossa 
A vontade que eu tenho é de a qualquer custo, fazer você desaparecer!

Conselhos ruins a serem vendidos em cada esquina, uma migalha de luz
Uma escapatório no caminho indicado me conduz a um labirinto de mentiras
Minha mãe disse "você vai sofrer"
Minha alma disse "você vai aprender"
E as risadas de minha voz da consciência falham comigo, eu só tenho você

Eu avisei
Aquela voz que imaginamos ser a nossa consciência
Lançou sua chama ardente em meu coração
Eu avisei
Aquela voz há de sussurrar sempre as respostas para mim?
Mas a brincadeira com este fogo me rendeu feridas eternas
Mais uma vez, quando o amor se apossa
A vontade que eu tenho é de a qualquer custo, fazer você desaparecer!

Estampe seu anúncio
Venda sua alma
Grave sua voz
Conduza-me ao erro
Um guia de um contos de fadas obscuro

Eu avisei que ouvir tal voz poderia ser tão prejudicial, quando o poder de escolhas reside em você!

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários