Contos da imaginação

6/30/2014 01:15:00 PM


Ela ofereceu uma rosa pra você
Que simplesmente não quis receber
A doce lembrança do que restou
Além do sentimento de impotência

Ela ofereceu todo a amor que possuía
Uma mordida na maça dos sonhos
O véu negro a envolveu mais uma vez
Na terra das repetidas fantasias

Procurando o beijo que salva, a morte que lentamente chega
Cavalgando em busca de realizar mais um desejo
Numa floresta de mentiras, era tudo uma ilusão
Para prender novamente sua alma
Contos da imaginação

Ela ofereceu uma rosa pra você
Que zombou de sua face infantil
A arma mortal para quebrar sonhos
Além de levar a alma da donzela ao eminente perigo

Procurando o beijo que salva...

Por que não me achas? 
A trilha de rosas lhe guiará
Mas você decide dar meia-voltar
E retornar ao lado de sua mais nova amada

Procurando o beijo que salva, entreguei a minha alma
Cavalgado em terras desconhecidas, eu pensei em ser feliz
Numa floresta de mentiras, era tudo uma ilusão
Para prender novamente minhas mentiras
Contos da imaginação

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários