Roubando sua felicidade

7/27/2014 09:46:00 AM


Bem dentro das correntezas dessa vida
Espera silenciosamente uma dama que não sonha
Vingança é seu sobrenome nessa terra

E quando seus pesadelos lhe despertam para uma realidade
Se apegue ao desejoso pedido de salvação
Quando mais nada existir

Esta noite será a sua queda

Bem dentro desta fantasiosa guerra de mentiras
Espera uma sombra fajuta do que já fui
Vingança é o sangue a me manter viva

E quando...

E quando eu assisto a novela, o controle escapa
Quebro em pedaços suas palavras inoportunas
Desorientada demais para notar que sou seu reflexo?

Retorno das sombras flutuantes, embalando um presente para sua falsidade
Eu deveria ter mostrado ao mundo o quanto você é tão bonita
Loba maldita em pele de cordeiro, eis me aqui para revelar

Em minhas veias eu verei você sucumbir ao meu capricho
Sim, você pode ter todas as forças manipuladas
Mas meu desejo é tão profundo

Com frases de fé, felicidades espontânea
Se esquece de um mal que jamais merece perdão
E eu sou ruim?
Castigada, justo eu que mais sofri...

  • Share:

You Might Also Like

0 comentários